Como nascem as boas ideias?

 

Já reparou que o tempo todo vemos verdadeiros copiadores no mercado? Alguém inventa algo bem interessante. Faz sucesso. Mas logo é copiado por alguém. Com isso, o mercado fica saturado de tal ideia e perde-se valor.

Claro que as pessoas querem investir em algo que dê lucro, mesmo que isso signifique copiar um modelo de negócios e melhorá-lo.

No entanto, não podemos esquecer que são as boas ideias que fazem as pessoas não te esquecer ou não esquecer seu produto ou empresa.

Por isso, iremos falar sobre algumas sugestões que podem te ajudar a conseguir boas ideias e, assim, surpreender seus clientes e superar seus concorrentes.

Veja mais:

– Deixe a mente fluir

Já aconteceu de surgir uma boa solução para um problema em momentos inusitados, talvez no banheiro, dirigindo, fazendo compras ou outras coisas triviais? Isso já ocorreu com muita gente. Essas são as ideias orgânicas, puros insights que surgem de maneira natural.

Por outro lado, muitos já se sentiram “travados” quando ficaram preocupados demais em ter uma boa ideia ou para resolver algo do trabalho.

Porém, quando estamos mais calmos e com a mente “livre e solta” conseguimos melhorar nossa capacidade de raciocínio, já que não estamos num momento tenso.

Outra coisa que pode ajudar é observar o que está a nossa volta. É possível enxergar soluções em situações ou lugares inesperados. Talvez um bom negócio pode ficar da observação de um momento que nem esperava. Quando se deparar com uma boa ideia, pergunte-se: Por que ninguém fez isso até hoje? Será que eu compraria essa ideia (produto ou serviço) se estivesse no lugar do cliente?

 

– Busque resolver problemas comuns

A melhor maneira de pensar em problemas é imaginar tudo aquilo que te incomoda. Quais produtos você gostaria que fossem diferentes ou te atendesse de uma melhor forma. Que tipos de serviços poderiam existir para facilitar a sua vida. O que realmente atrapalha o seu cotidiano e que soluções viáveis poderiam existir.

Muitas vezes, a sua dor é a dor de outras pessoas. Aquilo que te incomoda também pode incomodar outros. Então, faça esse exercício e veja se pode “criar” uma solução para aquilo que te atrapalha.

 

– Analise tendências e construa o seu futuro agora

Já parou para pensar que tipos de problemas poderão existir daqui a alguns anos? Muitas coisas podem ser percebidas desde agora. Analise novas necessidades da sociedade, novos tipos de consumo, novas relações entre empresas (B2B) e entre empresas e consumidores (B2C).

A internet das coisas só irá aumentar seu uso nos próximos anos. O que você pode propor?

 

Gostou dessas dicas? Na próxima semana, iremos dar mais sugestões.

Não perca.

 

 

 


InfraestruturaSaiba o que o Escritório Virtual Brasil pode fazer pelo seu negócio em
https://virtualbrasilrj.com.br/servicos

Ou entre em contato conosco:
E-mail: contato@virtualbrasilrj.com.br